João Alves-Carita

2011 / 22 Agosto

JMJ Madrid 2011 – Eu fui!


A partida. A noite no comboio. As três horas de ‘lá’. As 12 linhas do metro. Buenos Aires do México. O Javier. O ‘señor’ Félix. O encontro com a Buraca e Caparide. O chão do colégio Virgen del Cerro. O kit. As ‘cervezas’ espanholas. A Ingrid. O primeiro almoço tipicamente espanhol (no McDonalds). O calor. O muito calor. O metro de Madrid. A ‘surpresa’ Taizé. O chá de Taizé espanhol. O Ginos. O acordar com música. Os banhos de água fria (gelada). Os pequenos almoços. Os menus do peregrino. A (des)organização espanhola. Os banhos de multidão. O muito calor. O metro cheio. Os cânticos. Italiani batti le mani. Yo soy español, español. O malhão, malhão. O musical Wojtyla. O choro. Mais Taizé. Mais calor. Mais metro. Novamente o chão. Os banhos frios (gelados). Os brasileiros com medo da nudez. Os óculos do Nuno Miguel. A barriga e a digestão do Nuno Miguel. Os jogos de Sueca. O Dilson a jogar Sueca e a ‘rir’. Os autocarros de Madrid. O centro de imprensa. Os voluntários. A confusão para chegar à Cibeles. Jesus. O que veio do céu. Entra comigo no Táxi. A Puerta de Alcalá. El Retiro. Os ‘cojones’ dos leões. Uno! As Tapas. A Puerta del Sol. A manifestação. O medo. O orgulho em ser Cristão. Benedicto… benedicto! A oração no colégio. A partilha. Os ressonares. As catequeses. Passo a passo, grão a grão. O Museu do Prado. As eternas esperas. O ritmo de passeio. As fotos internacionais. A Carina sempre sentada. O Museo Reina Sofía. A música equatoriana para o MEJ Shalom. O Nebraska. A Paella. O Sponge Bob Tortilla. A praça de Espanha. Os intestinos do Nuno Miguel. A adoração da Cruz. A chegada da Mimi. Os tipos do Porto (mas de Aveiro). O Zé e a Rita e o Pedro e a Tita. O empregado gay. Os telefones do restaurante. O polícia espanhol. O Papa. A Via Crucis. Os montaditos. Cuatro Vientos. O calor. Os chilenos acolhedores. Dois lugares para 12. A falta de água. A água em demasia. A chuva. O frio. A vigília. O Papa. O Orgulho do Papa. Esta és la juventud del Papa. A noite com a Ingrid e o Fran. A missa. As próximas JMJ. Rio Rio Rio, Papa no ‘Brasiu’. A tristeza da despedida.

 

A frase que me marca é: “Queridos jovens encontrastes Jesus Cristo. Ele quer que sejais os seus apóstolos no século XXI e os mensageiros da sua alegria. Não O desiludais!”

JMJ Madrid 2011. Eu estive lá! E tu?

Slideshow das minhas fotos:
  • Mas que historia é esta de mandar bocas no pensamento das jmj? AI pah….

    Mucha

    Responder
  • Só falta acrescentar a comunhão diferente que tivémos na missa de encerramento e que foi logo imitada pelos brasileiros ao nosso lado. Ah e o facto de teres sido o único a não verter uma lágrima mesmo tendo os olhos cheios delas (eu vou deixar de ser chata com isto, prometo!).

    Das melhores semanas de sempre e que mais uma vez foi partilhada com 3 grandes amigos. São momentos destes que nos enchem a vida e o coração de alegria e de amor para partilhar com os outros. Venha o Rio de Janeiro! =D

    Beijo

    P.S. Não sei se te disse no postal ou não, mas acho que não poderiamos ter tido melhor chefe. Afinal de contas tiveste mais paciência que todos nós juntos! E desculpe qualquer coisinha =p

    Responder
  • É incrível a forma como revevo a minha semana em Madrid naquilo que tu escreveste. e nem deu para nos encontrar-mos e fazer uma festa…

    Responder

LEAVE YOUR COMMENT