João Alves-Carita

2011 / 12 Março

Amar assim…


É como um raio de sol
que reflecte em mim.
É como folha nova
que nasceu no jardim

É como uma longa estrada
em que te procurei:
Não te deixo por nada!

Valeu a pena por ti esperar.
E tudo que eu passei
Já não quero nem lembrar.

Como um raio de sol,
brilhaste p’ra mim.
Como num dia depois
de uma noite sem fim.

Como um raio de sol
onde tudo iluminaste
deste-me calor e me ensinaste
a amar assim…
a amar assim…

É como viajar
num foguete pro céu.
É como pôr a lua
no lugar do réu.

Pobre de quem não sabe
que amar é tão bom.
Não te deixo por nada!

LEAVE YOUR COMMENT